Este item foi adicionado ao seu carrinho.

Finanças

Ponto de equilíbrio: Você sabe quanto vender para ter lucro?

Uma empresa não existe sem lucro! Em algum momento essa deve ter sido a sua preocupação ou a de algum empreendedor. Para maximizarmos o lucro, precisamos utilizar instrumentos que nos auxiliem a entender as variáveis do negócio e forneçam embasamento para uma boa gestão. A análise do Ponto de Equilíbrio da sua empresa entra de modo decisivo para você que deseja empreender bem, e começar a fazer seu negócio lucrar!

 

O que é?

O ponto de equilíbrio é um indicador de segurança do negócio que mostra o quanto é necessário vender para que as receitas se igualem às despesas e custos. Em resumo ele indica o mínimo de receita para não termos prejuízo. Desta maneira, é eliminada a possibilidade de sua operação sair no prejuízo.

 

O ponto de equilíbrio precisa saber quais são seus custos!

Primeiro entenda a estrutura de custos do seu negócio. Para isso é importante saber algumas definições:

Custo total: É a soma de todos os custos do seu negócio.

Custos variáveis: são os custos que aumentam ou diminuem diretamente conforme a quantidade produzida ou vendida. Normalmente são matérias-primas ou consumíveis em geral.

Custos fixos: São custos que não dependem da quantidade produzida ou vendida. Pode-se dizer que são custos para manter as “estruturas” da empresa. Por exemplo, Aluguel e Salários.

Entendido sua estrutura de custos, é hora de descobrir o ponto de equilíbrio!

 

Calculando o ponto de equilíbrio da sua empresa

Veja agora, como fazer para calcular o Ponto de Equilíbrio do seu negócio. Ele pode ser expresso pelo faturamento mínimo mensal para cobrir seus custos fixos e variáveis, ou pela quantidade de vendas para atingir este ponto.  Primeiramente iremos entender o cálculo do Ponto de Equilíbrio Econômico, que é expresso em valores monetários:

Ponto Equilíbrio Econômico

Veja na prática:

Uma empresa que possui R$ 2.000,00 de custo fixo, R$ 1.000,00 de custo total variável para R$ 8.000,00 em faturamento previsto.

Ponto Equilíbrio Econômico Calc

Voltando ao nosso exemplo, significa que para que a empresa ficasse empatada seria necessário vender, no mínimo, 2.285,7 mil reais, isto é, em seu Ponto de Equilíbrio Econômico.

Um conceito importante para entender este cálculo é o da margem de contribuição. Ela é a margem percentual obtida dedução dos custos variáveis da receitas de vendas que entra como divisor na fórmula do Ponto de Equilíbrio Econômico.

Este percentual também pode ser obtido através da dedução do custo unitário do preço de venda.

Agora iremos entender o cálculo do Ponto de Equilíbrio Operacional, que é expresso em quantidade de vendas:

Ponto Equilíbrio Operacional

 

Veja na prática:

Com o Ponto de Equilíbrio Econômico em 2.285,7 mil reais e um preço de venda médio de R$ 50,00 por produto e ou serviço.

Ponto Equilíbrio Operacional Calc

No exemplo a quantidade de vendas para a empresa atingir o equilíbrio é de aproximadamente 51 unidades. Portanto, você sabe que precisa concentrar energias para atingir valores acima deste para realmente começar a lucrar. O ponto de equilíbrio Operacional pode ser expresso em termos de capacidade também, por exemplo, multiplicando a quantidade pelo tempo que se gasta na produção unitário dos bens.
 

Para aprender mais sobre ponto de equilíbrio e sobre como você pode utilizar esta análise para melhorar seu resultado, assista a vídeo aula que preparamos. Clique aqui para acessar!

Tem alguma dúvida ou gostaria de compartilhar alguma experiência? Deixe o seu comentário abaixo!

Comentários